*- Festa/Nossa Senhora do Rosário


Nossa Sra. do Rosário - Penedo/AL (Brasil)

Imagem de Nossa Srª do Rosário – Penedo/AL (Brasil).

.

O SANTO ROSÁRIO

 

           Muito antes da devoção do Rosário, o objeto “Terço” já existia. Isso graças aos Monges Anacoretas que para manter a concentração nas orações, tinha o hábito de utilizar pedrinhas, juntadas umas as outras, tendo os irmãos leigos, pela mínima familiaridade com o latim, sido dispensados da recitação do Saltério, esses por sua vez completavam suas práticas de piedade recitando o Pai Nosso, foi quando, para facilitar a contagem, o venerável São Beda, o “Doutor da Igreja” (século VII/VIII), sugerido a adoção de vários grãos enfiados em um barbante.

         O mérito de disseminar a devoção ao Rosário foi, deliberadamente, atribuído aos “Frades Dominicanos”, que passou a ser a forma de oração mais popular entre as famílias religiosas.

         O Rosário é formado pelas duas orações básicas do catolicismo: o “Pai Nosso”, ensinado pelo próprio “Jesus Cristo”, e a “Ave Maria”, nascida da Anunciação feita pelo Anjo Gabriel à Virgem Maria e das palavras de sua prima Santa Isabel. No instante em que se reza, ele nos leva à meditar sobre os mistérios da vinda do filho de Deus entre nós, ou seja: anunciação, nascimento, vida, paixão, morte e ressurreição de Jesus Cristo.

          De acordo com a história, em 1208, Nossa Senhora apareceu a SÃO DOMINGOS DE GUSMÃO (fundador da Ordem Dominicana), na Igreja (Mosteiro) de Nossa Senhora de Prouille (Prouille/Occitana – França), momento em que Maria indicou-lhe e/ou entregou-lhe o Rosário, como potente arma para a conversão e, também o ensinou a rezar.

– “Quero que saiba que, a principal peça de combate, tem sido sempre o Saltério Angélico (Rosário) que é a pedra fundamental do Novo Testamento. Assim quero que alcances estas almas endurecidas e as conquiste para Deus, com a oração do meu Saltério”.

        Na ocasião, a aparição recebeu algumas denominações:

Nossa Senhora do Rosário;

– Nossa Senhora do Santo Rosário; e

Nossa Senhora do Santíssimo Rosário.

         Nascerá ali, à prática desta oração como devoção a Maria, por sua participação nos mistérios da vinda de Jesus Cristo, filho de Deus.

         Em 13 de setembro de 1213, se deu a vitória da “Batalha de Muret”, uma batalha decisiva, chamada de Cruzada Albigense, liderada por SIMON IV DE MONTFORT, o qual, em agradecimento, construiu o primeiro santuário dedicado a Nossa Senhora da Vitória.

          Em meados de 1365, o Monge CARTUXO HENRIQUE DE HALKAR separou em dezenas as 150 Saudações Angélicas, intercalando entre cada dezena um Pai-Nosso. Porém, foi em 1470, através do Frade Dominicano – ALAN DE RUPE, que teve origem o Rosário com um pensamento recitado junto a cada Ave-Maria.

          Em 25 de maio de 1571, era formada a Santa Liga (República de Veneza, Reino de Espanha, Cavaleiros de Malta e Estados Pontifícios), porém PIO V, “Santo”, confiante na providência de Deus e na proteção de Maria entregou o estandarte (Nossa Senhora do Rosário) e o comando da Esquadra Cristã ao General JOÃO DA ÁUSTRIA. Este por sua vez, corajosamente avançou em direção a numerosíssima Frota de Ali-Pachá (Turcos Otomanos), tendo em 07 de outubro de 1571, vencido a Batalha de Lepanto,” no Oeste da Europa (Lago (Golfo) de Lepanto – Grécia). Ao final, os inimigos (derrotados e aprisionados), confessaram que no céu aparecerá uma brilhante e majestosa Senhora, o fato incutira-lhes tanto medo, que em pânico iniciaram a fuga, vindo a se entregarem. A vitória foi atribuída a Nossa Senhora, por ter naquele dia, sido feita uma Procissão do Rosário na Praça de São Pedro, em Roma.

        Em 1572, o Papa PIO V, instituiu o 7 de outubro, como “Festa de Nossa Senhora da Vitória,” para comemorar, liturgicamente, a missão e o sucesso (vitória) da Santa Liga (Liga Santa ou Liga Santa do Mediterrâneo). Porém em 1573, seu sucessor, o Papa GREGÓRIO XIII, reconhecendo no Rosário a arma da vitória, mudou o título da comemoração para “Festa do Santo Rosário,” a qual foi estendida pelo Papa CLEMENTE XII à Igreja Católica.

.

FESTA DE NOSSA SENHORA DO ROSÁRIO

        Após as reformas do Concílio Vaticano II, em 25 de dezembro de 1961, a “Festa do Santíssimo Rosário,” como era denominada, sofreu alteração e passou a ser o dia da comemoração de “Nossa Senhora do Rosário”. A festa tem a classificação litúrgica de memória universal e é dedicada ao Rosário e a todas as missões apostólicas, sendo mantida a data de 7 de outubro, aniversário da Batalha de Lepanto,” ocorrida em 1571.

        No Brasil, a devoção ao Santo Rosário foi trazida pelos missionários da Colônia Portuguesa e logo se espalhou, principalmente entre os pretos escravos que nele encontravam as orações mais simples e populares: o Pai-Nosso e a Ave-Maria. Usando o Rosário pendurado ao pescoço, ao fim dos trabalhos de cada dia, eles reuniam-se em torno de um “tirador de reza”. Do interior das senzalas, ouviam-se o sussurrar das preces dos cativos. Registros indicam que no Brasil, a primeira e mais antiga Igreja dedicada a “Nossa Senhora do Rosário,” foi construída em 1578, na cidade de Paranaguá/PR (Brasil).

Igreja (Catedral) N. Srª. do Rosário - Penedo/AL (Brasil).

Igreja (Catedral) N. Srª. do Rosário – Penedo/AL (Brasil).

          Já na histórica cidade de Penedo/AL, prazerosamente, os católicos têm como padroeira “Nossa Senhora do Rosário,” cuja gloriosa imagem se encontra no interior da belíssima Igreja (Catedral) de Nossa Senhora do Rosário, construída em 1690 e localizada na antiga Praça do Pelourinho (Praça Rui Barbosa) e atual Praça Barão de Penedo, s/nº – Centro – Penedo/AL. Como não poderia ser diferente, o dia 7 de outubro é uma data mantida no calendário da municipalidade, como festiva a sua padroeira, sendo inclusive, decretado feriado municipal.

          É bom lembrar que, o Papa JOÃO PAULO II, dedicou todo o seu Pontificado a Maria Santíssima. Declarando logo no primeiro dia de seu pontificado: – “Totus tuus Mariae (Tudo é de Maria)”. A devoção a Nossa Senhora do Rosário foi amplamente difundida e divulgada. Em 16 de outubro de 2003, João Paulo II acrescentou mais um conjunto de Mistérios ao Rosário – os Mistérios Luminosos – em uma Encíclica que escreveu sobre o Santo Rosário.

– Nossa Senhora do Rosário, rogai por nós !

Anúncios

PARTICIPE: Sua opinião é importante, portanto, deixe seu comentário.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Portal do Judô

Notícias gaúcha para o mundo

Instituto do Negro de Alagoas - INEG/AL

Promovendo a População Negra do Estado de Alagoas!

ÍCONES DE PORTUGAL

Património de Portugal

a amazónia, os índios e eu: notícias & outras correspondências

"aqui eu, Malinche, conto o que ouvi contar"

Saccpa

Just another WordPress.com site

Minas em Pauta - Saúde e Ação Social

Just another WordPress.com weblog

Blog Afrocensos2010

Somos tod@s afrodescendentes - Somos tod@s afrodescendientes

UTI Neo

Cuidados em UTI Neonatal

REFRISATBlog - Chillers e Controle Térmico

O blog da maior empresa de Controle Térmico da América Latina

ALGARVEPRESSNAHORA

Mais um site WordPress.com

Arnaldo V. Carvalho

Idéias, filosofia, humanismo, agenda, saúde, terapias, meu mundo.

VIAJAR NAS PALAVRAS

Escolas | João de Araújo Correia / Blogue da Biblioteca da Escola Secundária - Peso da Régua

jornais em português

jornais de acesso livre em língua portuguesa

BF Noticias

Just another WordPress.com site

quando a cidade era mais gentil

foto e memória de São Paulo

%d blogueiros gostam disto: