ZURICA G. PEIXOTO – Poetisa da Saudade


– ESCRITORA E POETISA PÓSTUMA –

ZURICA G. PEIXOTO - Escritora e Poetisa póstuma - Penedo/AL - Arquivo FMP-2017

ZURICA G. PEIXOTO – Poetisa da Saudade – Arquivo FMP

.

            A escritora e poetisa ZURICA GALVÃO PEIXOTO (*16/12/1914 – +16/7/2005) nasceu na cidade histórica de Penedo/AL, e faleceu aos 90 anos de idade no Rio de Janeiro/RJ, onde residiu com a família, desde 1937, em Copacabana. Sua biografia, fotos e vídeo integram virtualmente o MUSEU DA PESSOA em São Paulo/SP.

            A Penedense ZURICA PEIXOTO não casou nem transmitiu a nenhuma criatura o legado de sua imensa bondade e delicadeza. Mas nos deixou poesias, pensamentos, redações, crônicas e orações, que foram publicados postumamente graças à mídia de sua terra natal (Penedo/AL), e ao sobrinho carioca FERNANDO MOURA PEIXOTO (*1946), que recuperou boa parte de seu trabalho e fotografias.

LAURA GALVÃO PEIXOTO - Rio de Janeiro (RJ) - 1928 - Arquivo FMP-2017

LAURA G. PEIXOTO – Rio de Janeiro (RJ) – 1928 – Arquivo FMP

             ZURICA, “a poetisa da saudade” – epíteto que lhe colocou o Jornalista ANTONIO CASTIGLIOLA (*1951 – +2010), que a considerou ainda “um ser solar” – nos brinda com duas poesias dedicadas a sua mãe, LAURA GALVÃO PEIXOTO (1889 – 1973), uma sergipana de Brejo Grande/SE, a quem sempre devotou grande amor, admiração e carinho.

♣♣♣   ♣♣♣   ♣♣♣   ♣♣♣   ♣♣♣   ♣♣♣

♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣

♣♣♣   ♣♣♣   ♣♣♣   ♣♣♣   ♣♣♣   ♣♣♣

EM MEMÓRIA DE MINHA MÃE

Neste Dia das Mães, de ternura e emoção,

Uma lágrima pela face, sinto a rolar…

Uma saudade pungente, uma saudade infinda

A invadir, a envolver e torturar meu coração…

Saudade de ti, Mãezinha querida,

Das palavras doces que costumava dizer…

Saudade de tudo aquilo que por mim vivias a fazer…

Do teu carinho, da tua mão amiga a me abençoar…

Uma lágrima novamente pela face sinto a rolar,

Uma saudade imensa neste dia de tanta recordação…

A tua voz cheia de suavidade…

A tua meiguice, a tua bondade…

Ai, quem dera hoje, ao teu encontro pudesse correr

Para te afagar e te beijar…

E num longo abraço, juntinho a ti, em teu regaço

Minhas tristes mágoas fosse esquecer…

Mas, não importa que estejas ausente,

Nem a distância tão grande da Eternidade,

Porque tu és a mãe querida,

E estará sempre presente

Por toda a minha vida…

Uma lágrima… Uma saudade…

 

                                      Rio de Janeiro, 8 de maio de 1977.

                                                           ZURICA GALVÃO PEIXOTO – (aos 62 anos)

♣♣♣   ♣♣♣   ♣♣♣   ♣♣♣   ♣♣♣   ♣♣♣

 ♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣

♣♣♣   ♣♣♣   ♣♣♣   ♣♣♣   ♣♣♣   ♣♣♣

SAUDADES DE MINHA MÃE

Eu a vejo, lá distante, a me acenar,

Braços abertos, como a me esperar…

E quem dera, pudesse eu ir

Logo ao seu encontro,

Pois é grande a saudade que sinto

Sem a sua presença para me consolar.

 

Vida afora tenho seguido,

Triste, amargurada,

Sem planos, sem destino pela estrada,

Não tendo ninguém para me amparar.

 

Neste dia de hoje, ‘Dia das Mães’,

Como eu quisera tê-la junto a mim,

Para receber a sua ternura, o seu carinho.

 

Doces lembranças da infância,

Aconchegada ao seu regaço,

Sentindo todo o calor,

A força imensa da sua bondade.

 

E a sinceridade dos seus afagos,

Que me faziam esquecer qualquer maldade,

Ficando segura, protegida,

E acreditando ainda na felicidade.

                                        Rio de Janeiro/RJ

                                                            ZURICA GALVÃO PEIXOTO

♣♣♣   ♣♣♣   ♣♣♣   ♣♣♣   ♣♣♣   ♣♣♣

 ♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣♣

♣♣♣   ♣♣♣   ♣♣♣   ♣♣♣   ♣♣♣   ♣♣♣

 

.


Colaboração: Fernando Moura Peixoto (ABI 0952-C)

Uma resposta to “ZURICA G. PEIXOTO – Poetisa da Saudade”

  1. Diana 12 de maio de 2017 às 09:34 #

    Linda poesia! Zurika amada tia, delicada poetisa, imensa saudade. Seus poemas me enchem de alegria. Diana Galvão

PARTICIPE: Sua opinião é importante, portanto, deixe seu comentário.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Portal do Judô

Notícias gaúcha para o mundo

Instituto do Negro de Alagoas - INEG/AL

Uma Organização do Movimento Negro Alagoano!

ÍCONES DE PORTUGAL

Património de Portugal

a amazónia, os índios e eu: notícias & outras correspondências

"aqui eu, Malinche, conto o que ouvi contar"

Saccpa

Just another WordPress.com site

Minas em Pauta - Saúde e Ação Social

Just another WordPress.com weblog

Blog Afrocensos2010

Somos tod@s afrodescendentes - Somos tod@s afrodescendientes

UTI Neo

Cuidados em UTI Neonatal

REFRISATBlog - Chillers e Controle Térmico

O blog da maior empresa de Controle Térmico da América Latina

ALGARVEPRESSNAHORA

Mais um site WordPress.com

Arnaldo V. Carvalho

Idéias, filosofia, humanismo, agenda, saúde, terapias, meu mundo.

VIAJAR NAS PALAVRAS

Escolas | João de Araújo Correia / Blogue da Biblioteca da Escola Secundária - Peso da Régua

jornais em português

jornais de acesso livre em língua portuguesa

BF Noticias

Just another WordPress.com site

quando a cidade era mais gentil

foto e memória de São Paulo

%d blogueiros gostam disto: